Deixe-me entrar

18_46

Por em 20 de dezembro de 2018

Era apenas outra semana normal de chuva no bairro de Adam. Sua esposa e seu filho estavam na sala enquanto ele fazia uma pipoca com manteiga para assistir um belo filme nessa noite chuvosa. Enquanto estourava ele pensou em fazer um doce suco para acompanhar até que a campainha tocou. Essa hora? Não deu atenção e continuou na cozinha. Então tocou novamente. Até que sua esposa disse:

– Atende amor, pode ser o vizinho pedindo ajuda com o gerador.

Quando chove no vizinho a luz acaba e ele não consegue ligar o gerador sozinho por ser idoso então ele foi lá atender. Ao abrir a porta não era ele, e sim um homem todo molhado devido a chuva e de cabeça baixa.

– Olá, em que posso te ajudar?

– Me… me.. ajude… deixe-me entrar… disse ele com uma voz meio roca.

Adam achou meio estranho porém como estava um tempo nada bom deixou o homem entrar. Ele entrou e trovões assustaram todos. Retirou seu manto e o chapéu e se sentou no sofá. Sua esposa educada perguntou se queria algo quente para beber e ele recusou. Então Adam pegou a pipoca e ofereceu para ele, pegou um pouco. Curioso sobre ele perguntou:

– O que fazia nessa chuva meu caro?

Ele olhou com seus olhos azuis e cabelo moreno e disse:

– Eu tive uma briga com meu pai e ele me expulsou de lá então fiquei de passagem aqui e como ninguém me atendeu tomei chuva mas não é problema até bom molhar o corpo né?

Ele estava vestindo uma roupa bem chique, se o pai expulsou ele deve ser bem rico.

Aumente seu conhecimento! Leia:  Os três demônios do Tabuleiro Ouija

– Você mora aonde? Perguntou sua esposa.

– Morava no céu.

– Essa rua é antiga, lembro que tinha uma casa enorme lá, você morava lá? Disse inocentemente Adam.

– Não, mas quando for mais tarde irei me acertar com meu pai para que vocês fiquem em paz. Disse ele cruzando as pernas.

– A magina, não está sendo um incômodo. Disse sua esposa.

Ele deu um sorriso e levantou.

– Aonde fica o banheiro?

– Suba a escada e vire a direita. Disse Adam apontando a escada.

– Obrigado, e obrigado também por me convidar a entrar em sua humilde residência, é um prazer ser convidado por pessoas como vocês.

Bem educado ele e um pouco calado. Ele foi ao banheiro e a chuva só piorava. Desse jeito ele teria que dormir com eles. Ele descia as escada lentamente até que Adam levantou e ele estendeu sua mão e disse:

– Obrigado por me receber.

Apertou sua mão e disse:

– O prazer foi nosso senhor..

– Ash. Disse rapidamente seu nome.

– A chuva está piorando então o senhor terá que dormir aqui conosco. Disse Adam sendo educado.

Ele olhou para o rapaz e disse afirmando:

– Não. Eu vou me acertar com meu pai logo logo então vocês estarão em paz.

Adam não insistiu e apenas concordei. Faltava 20 minutos para meia noite e Adam disse que iria colocar seu filho para dormir. Mandou ele esperar na sala que não iria demorar. Foi até o quarto do menino e o colocou para dormir até que as luzes de baixo estavam apagadas… Então ele desceu para ver o que estava acontecendo. Checou as luzes e não tinha acabado a energia.

Aumente seu conhecimento! Leia:  Câmera noturna capta atividades sobrenaturais em escola

– Amor? Amor?? Ash?? Cadê vocês. Disse Adam preocupado.

Então ele ouviu gritos no sótão e foi correndo até lá mas, antes pegou uma arma que deixava escondida e foi até lá.

– Desgraçado, não deveria ter deixado ele entrar.

Chutou a porta do sótão e queria morrer com o que tinha visto. Viu sua esposa presa na parede com seus braços esticados e cravados com adagas e em volta dela um círculo com feito com sangue até que ele ouviu palmas.

– Sua esposa faz um ótimo trabalho de atrapalhar planos.

– Seu maldito quem é você e o que quer com minha família?! Disse Adam apontando a arma para ele.

– Eu sou Ash… Ashtaroth, nome familiar meu caro?

Ficou sem reação ao soar o nome.

– Eu sou um príncipe agora e depois do meu pai ter me expulsado do céu aonde eu morava fui para um lugar bem bacana aonde o caos e a agonia me faz rir. Sou o príncipe dos acusadores e também sou bem traiçoeiro.

Deu um tiro no seu braço. E ele não sentiu nada.

– Que coragem de atirar em um demônio.

Seus olhos ficaram vermelho e suas veias começaram a aparecer. Sua voz começou a engrossar e se aproximou de sua mulher.

– Fique longe dela! Disse Adam com raiva.

– Então, eu prometi para meu chefe que levaria três almas inocentes para ele em troca eu poderia passear pela terra então… acho que não vai acabar bem para nós… ops para vocês!

Ele estalou os dedos e ela começou a pegar fogo. Braços estavam puxando sua carne para o fogo.

Aumente seu conhecimento! Leia:  A Maldição de Córzon - Em Breve

– Essas chamas serão a última coisa que você verá meu senhor.

Deu tiros nele sem parar até que ele foi na direção do rapaz. Adam correu de desespero e uma dor bateu nele ao perder sua esposa. Até que ele subiu lentamente e o arremessou para a porta.

– Não precisa sentir culpa… a precisa sim se não fosse por você ter aberto a porta para um estranho sua família não estaria no inferno!

– Vo.. você tirou o amor da minha vida de mim… Disse Adam chorando.

– Ora, mas quem disse que você perdeu ela? Você estará com ela pegando fogo!

A porta começou a pegar fogo e ele pegou o rapaz pelo pescoço.

– Você me deixou entrar em sua humilde residência e eu irei me retribuir com você, eu vou deixar você entrar na minha casa também!

Jogou ele para a porta e seu corpo começou a pegar fogo. O demônio ria da agonia e dor do rapaz e disse a ele:

– Eu irei cuidar bem de seu lindo filhote.

A porta se fechou e o Ashtaroth subiu as escadas lentamente até o quarto do menino. Ele abriu a porta e foi até ele.

– Meu jovem, está na hora de acordar, vamos ande.

O menino acordou e viu que não era o pai dele.

– Sr.Ash, cadê mamãe e papai?

– Ôh meu doce, eles saíram, mas eu prometi ao seu pai que iria cuidar bem de você… agora venha comigo que eu te levarei ao meu lugar favorito.

– Lá é legal?

– Ô se é, lá é extremamente… divertido!

Related Post

Comentários

Comentários



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Gostou? Então Compartilhe o conhecimento :)

  • Facebook
    Facebook
  • YouTube
    YouTube
  • Instagram
  • Pinterest
  • Google+
    Google+
    http://www.cladoterror.com/2018/12/20/deixe-me-entrar">
  • Follow by Email
  • Twitter