Nunca faça a invocação de Zalgo

Nunca faça a invocação de Zalgo

Por em 17 de janeiro de 2017

creepy

Oi, meu nome é Jack, vim aqui lhes avisar para que não façam a invocação de Zalgo, para os que não acreditam aí vai a minha história.

 

Há uns dois anos atrás eu estava na faculdade passando por vários testes e tal, então eu resolvi arranjar algo para me distrair, meus amigos me falaram que na internet tinha vários rituais para invocar demônios e essas coisas, eu não acreditava, mas mesmo assim fui pesquisar.

Passei horas pesquisando e só encontrava rituais chatos até que quase de madrugada eu encontrei um fórum falando sobre como invocar um demônio chamado Zalgo, aquilo me chamou a atenção então resolvi fazer.

Entrei no link de um vídeo com legenda e comecei a recitar o ritual em voz alta, quando terminei de recitar o ritual era 3 horas dá madrugada em ponto, na hora que terminei de recitar as palavras me levantei e fui olhar pela minha casa não vi nada então achei que era falso. Voltei para o meu quarto, assim que olhei para o meu computador, na tela dele estava uma foto minha na cozinha, na hora em que vi isso senti um gelo percorrer meu corpo, pensei que fosse um ladrão então liguei para a polícia. Eles olharam a casa toda, mas não tinha nada, fiquei meio perturbado com aquilo, mas fui dormir já que logo mais eu teria que ir para a faculdade.

Acordei um pouco depois com o despertador tocando, me sentei na cama e desliguei-o, tentei me levantar para ir ao banheiro, mas cai no chão sentindo uma forte queimação na perna, coloquei minha mão nela e quando olhei para a minha mão ela estava toda suja de sangue, fui mancando até o banheiro. Passei água na minha perna e depois de limpar o sangue percebi que nela tinha umas palavras escritas em outra língua, na hora percebi que as letras que estavam na minha perna eram as mesmas do vídeo de invocação do Zalgo, liguei o vídeo novamente e em um trecho pude identificar que eram as mesmas palavras que estavam na minha perna, o significado delas eram “ele vem”. Fui trabalhar, mas não conseguia tirar aquilo dá cabeça.

O dia passou e eu fui para casa, assim que eu cheguei em casa eu senti um cheiro de podre vindo do meu quarto, corri até lá e vi um cachorro morto com as tripas jogadas para todos os lados do meu quarto e estava escrito na parede com o sangue do cachorro “aquele que tem 7 bocas” rapidamente corri para a cozinha peguei uma faca e voltei para o banheiro. Fiquei lá por um tempo, quando eu estava para sair escutei um barulho vindo do meu quarto voltei para dentro do banheiro e coloquei o ouvido na parede, assim que coloquei o ouvido na parede eu pude ouvir minha própria voz dizendo “obrigado por me fortalecer ” assim que ele terminou de falar, ouvi o barulho do vídeo de invocação do Zalgo corri e desliguei o computador antes de desligar olhei para o horário é eram três dá manhã, escutei um barulho vindo dá sala peguei a faca e corri para ver oque era, quando desci as escadas não vi nada, mas assim que virei as costas senti uma mão gelada me tocar, virei para trás e vi a pior cena dá minha vida. Uma figura que não sei descrever oque era, tinha órbitas negras no lugar dos olhos e delas saiam um líquido preto assim como de sua boca, em seu peito ele tinha mais seis bocas cada uma parecia falar um idioma então uma delas disse “você me fortaleceu, agora em troca eu levarei sua alma para ficar comigo” imediatamente as palavras na minha perna começaram a queimar, corri com muita dificuldade, mas ele sempre me alcançava até que ele me encurralou no quarto. Eu estava sem saída então me joguei dá janela, estava quase para desmaiar quando via aquela criatura me olhando dá janela, então minha casa começou a pegar fogo e eu desmaiei de tanta dor.

No hospital disseram que eu teria que morar com um amigo, pois nunca mais poderia mover minhas pernas hoje estou vivendo com um amigo, mas ainda me lembro daquela noite e sempre que me lembro, eu não consigo dormir. Então eu estou aqui para dizer não façam o ritual de invocação do Zalgo, não sejam como eu, não se deve brincar com oque você não compreende, não repita meu erro. Se repetir, sua vida será destruída, mas lembrem-se “ele é aquele que vive atrás dá parede e ele vem”.

Autor

  • ppNome: Felipe Santos

  • Idade: 14 anos

  • Estado: São Paulo

  • Facebook: Felipe Santos


Ω Entre para nossa comunidade oficial: Ω

parceria

Gostou desse artigo? Então compartilhe com seus amigos! E não se esqueça de curtir nossa pagina no Facebook.

Siga-nos nas redes sociais:

Nosso perfil no Amino: Clã do Terror

Perfil no Gooogle+: Clã do Terror

Perfil no Instagram: Clã do Terror

Related Post

Comentários

Comentários

Conheça o canal do Clã do Terror no YouTube.

Gostou? Então Compartilhe o conhecimento :)