Vampira vs Lobisomem

By on 28 de dezembro de 2016

Pergaminho de 100 a.C

Estou morrendo ! Mais antas deixarei minha historia escrita nesse pergaminho.

Sou Condessa Stephania II, sou a 3 vampira descendente do Monstro, travei uma batalha mortal com o filho do primeiro lycan, infelizmente não consegui me sobressair bem dessa batalha. Ele conseguiu me morde, injetando seu veneno de lycan, vou relatar como foi a batalha para que meu legado não morra junto comigo.

Era noite de lua cheia, eu estava sedenta de sede, já não aguentava mais, eu me desvinculei de meu clã,por motivos tolos, minha antiga “família” não deixava faltar alimento, então eu estava desacostumada a ficar sem alimento.

Eu estava em forma de morcego quando avistei uma pequena aldeia, não pensei duas vezes, desci em uma velocidade impressionante. Meu pouso era perfeito, não fazia barulho algum.

Comecei a andar ao redor das casas feita de palha, eu me enganei não era uma aldeia de simples camponeses, e sim uma tribo de índios, eu não sabia o quanto tinha voado, pois no meu país de origem não existia índios, porem minha sede  falava mais alto. Eu avistei uma senhora de mais idade saindo de uma das ocás, não pensei duas vezes avancei no pescoço da pobre senhora, ela não conseguiu gritar. Minha sede ainda não estava saciada.

Já estava perto de amanhecer e eu ainda não tinha terminado de empilhar os corpos, todos morreram, crianças adultos idosos, não tinha sobrado um. Bom era isso que eu pensava.

O sol já estava posicionado ao centro do céu, eu estava dentro de uma ocá, eu estava completamente suja de sangue, fui tentar me lavar em uma poça improvisada.

Eu estava completamente nua quando senti um tremor, logo em seguida ouvi um uivo, era o uivo mais alto que eu já tinha ouvido. Resolvi olha  pelas brechas que avia na palha.

Eu não acreditava havia um Homem forte e alto abraçando um dos cadáveres, ele chorava feito criança, eu não sabia o que fazer, então resolvi esperar até que o sol deixa-se o céu.

Ao anoitecer eu sai da ocá e o homem ainda estava lá deitado em cima dos cadáveres. Quando eu me aproximo ele da um salto e se transformou no ar, eu não acreditava no que estava vendo era um lobisomem porem duas vezes maior.

Ele não pensou duas vezes e avançou e em minha direção…

Continua…

Quer a continuação ? Então deixe seu comentário e entre para nossa comunidade oficial:

parceria

Gostou desse artigo ? então compartilhe com seus amigos ! e não se esqueça de curtir nossa pagina no Facebook .

Nos siga nas redes sociais:

Nosso perfil no Amino: Clã do Terror

Perfil no Instagram: Clã do Terror

Comentários

Comentários



Gostou? Então Compartilhe o conhecimento :)